Constructel Alemanha manteve grande atividade nos tempos mais difíceis da Covid-19

Constructel Alemanha manteve grande atividade nos tempos mais difíceis da Covid-19

Rui Sousa, um dos responsáveis da Constructel Alemanha, deixa, nesta edição da newsletter, um testemunho na primeira pessoa, sobre a forma como foram vividos os momentos mais complexos da pandemia provocada pela Covid-19, que reproduzimos na íntegra. 

“Os tempos são de excecionalidade, mas não menos excecionais são os colaboradores da Constructel GmbH/Alemanha. Quando se iniciou o ano de 2020, a palavra “Coronavírus” era uma realidade mais ou menos distante, mas poucas semanas foram necessárias para que se nos apresentasse a grandeza da contrariedade e dos desafios que teríamos pela frente. O otimismo que se vivia na Constructel GmbH no arranque do ano de trabalho, alavancado pelos investimentos de grandes clientes como Deutsche Telekom, Vodafone e Ericsson, depressa deram lugar a um ponto de interrogação sobre o que os dias, semanas e meses vindouros nos trariam. 

Apesar das dúvidas, incertezas e receio generalizado de contrair “o” vírus, os colaboradores da Constructel GmbH revelaram um grande espírito de sacrifício e de missão, tendo estado sempre presentes na linha da frente, cumprindo com as recomendações das autoridades sanitárias. Afortunadamente não nos foi imposto nenhum recolher obrigatório - são as vantagens e desvantagens de trabalhamos numa área de importância vital para o funcionamento das sociedades. Não sentimos também durante este período, quebras nas correntes de fornecimento ou nas encomendas.

Na Rede Móvel, entre janeiro e maio, produzimos mais de 1.5M€ sustentados em vários projetos: na Sigfox (rede de comunicação M2M – máquina a máquina), intervindo em todo o território alemão; no Swap (modernização tecnológica) para a Deutsche Telekom a decorrer na Região da Baviera (capital Munique); nos projetos de SRAN (introdução de tecnologia 4G) e G/U2L (deployment de LTE 900Mhz e LTE 2100Mhz) para a Vodafone/Ericsson na Região de Baden-Württemberg (capital Estugarda) ou no projeto Konsolidierung (consolidação da rede Telefónica GmbH – fusão da O2 e da E-Plus na sequência da sua aquisição pelo mega operador espanhol) através do nosso parceiro/cliente SPL, na zona sul da Alemanha (Baviera e Baden-Württemberg). 

Nestas 22 semanas que nos separam do início do ano, os cerca de 30 Field Engineers, Supervisores e Gestores de Projeto da Rede Móvel, intervieram em mais de 500 sites (vulgarmente conhecidos como “antenas”) propriedade da Vodafone Deutschland, T-Mobile (Deutsche Telekom), Sigfox e Telefónica Gmbh, percorrendo em conjunto mais de 160.000Km, o suficiente para darmos 4 voltas ao mundo.

Da nossa parte, colaboradores da Constructel GmbH de todas as regiões, projetos e áreas de intervenção, move-nos o mesmo espírito e atitude desde o primeiro dia desta epidemia: a motivação, o sentido de responsabilidade e o orgulho que sentimos cada vez que entregamos mais uma folha de serviço, sabendo que o nosso trabalho diário é imprescindível para que a sociedade não pare quando menos pode parar. 

A manutenção e crescimento das redes de telecomunicação fixas ou móveis, deram e continuam a dar o seu contributo para salvar vidas, para ensinarem os nossos filhos num formato diferente, para nos reunirem com clientes, amigos e familiares numa configuração adaptada aos tempos e aos desafios quotidianos e a levarem informação e a visão sobre o mundo àqueles que involuntariamente se viram privados de o fazerem por si.” 

Uma nota de redação importante para se referir que toda a atividade no terreno (equipas internas e subempreiteiros) das empresas quer em Portugal quer nos restantes países onde o Grupo opera, teve o suporte das equipas de retaguarda na sede no Palácio do Gelo Shopping, em Viseu.

Graças à dimensão dos escritórios foi possível distribuir os postos de trabalho dos operacionais de forma a respeitar as regras de segurança determinadas pelas autoridades da saúde.

Para além do reforço da higienização do espaço, os colaboradores trabalharam de máscara e foi evitado o aglomerar de pessoas, tendo as reuniões sido realizadas através de chamadas em conferência.

 

 

 


Sede

Rua do Palácio do Gelo, nº1
Palácio do Gelo Shopping, piso 3
3500-606 Viseu, Portugal

T. +351 232 483 000

F. +351 232 483 100

GPS. 40.643952,-7.911135

Escritório Lisboa

Av. Almirante Gago Coutinho, 78

1700-031 Lisboa - Portugal

T. +351 218 429 970

F. +351 218 496 731

GPS. 38.7529769,-9.1311277